Impactos e aprendizados da transformação digital na visão de C-Levels

Em painel do CI&T Business Impact Summit, altos executivos da Coca-Cola, Vivo, Itaú e CI&T apresentaram os principais aprendizados da jornada sob perspectiva pessoal e da companhia.

Impactos e aprendizados da transformação digital na visão de C-Levels
Posted on Oct 18, 2019

O que você vai ler aqui:

  • A chave da transformação digital
  • A nova liderança e a importância da humildade e do aprendizado
  • A necessidade de estabelecer a customer centricity real para identificar os desafios e conquistar o sucesso

 

Uma reunião de C-Levels de peso encerrou a segunda edição do CI&T Business Impact Summit. Henrique Braun, Presidente da Coca-Cola Brasil; Solange Sobral, VP de Operações da CI&T; Cláudio Sanches, Diretor de Investimentos e Previdência do Itaú; e Alex Salgado, VP de B2B da Vivo, discutiram os aprendizados, resultados e "as cicatrizes” das jornadas de transformação digital trilhadas pelas companhias, com a mediação de Bob Wollheim.  

 

Sob o título “O real impacto da transformação digital nas grandes organizações”, o painel trouxe grandes insights para o público presente. Para Solange Sobral, por exemplo, o grande impacto do processo é a transformação de pessoas. “De humano para humano. É a chave da transformação. Se a gente compreender isso com profundidade, a gente vai conseguir usar dados, vai entregar experiências fantásticas e vai fazer que nosso time seja cada vez mais inteligente”, afirmou.

 

Um dos pontos altos da conversa foi quando o tema tocou as experiências pessoais das lideranças, como a mudança de mindset voltada ao digital alterou seus comportamentos e os fez enxergar novas possibilidades e abordagens. Henrique Braun, por exemplo, destacou que assumir uma postura de humildade e tomar consciência de que o líder não conquista nenhum resultado sozinho é ponto chave para abraçar a transformação com sucesso. “Você deve ser humilde o suficiente para entender que não vai fazer a onda acontecer, você tem que surfar junto para não tomar o caldo”, disse. “O mundo mudou. Não temos todas as skills. É difícil pensar de maneira diferente porque não fomos formados para isso. Então a humildade é fundamental”, concordou Claudio Sanches.

 

Ainda sobre as novas perspectivas e a necessidade de desconstruir o antigo conceito de liderança controladora e onisciente, a opinião comum é de que é necessário aproveitar a oportunidade de aprender com cada pessoa da equipe.  "Estar aberto ao novo e ser menos knower e mais learner". Segundo Alex Salgado, VP de B2B da Vivo, “o importante é não achar que a gente sabe o que tem que fazer desde o começo. Aprendizado é o principal”.

 

Na opinião de Solange Sobral, a resposta para conseguir essa transformação é assumir os preceitos da liderança Lean. Ou seja, para ela, a necessidade é a de sair do modelo tradicional e investir na troca, no desenvolvimento de pessoas, na confiança, na colaboração e na multidisciplinaridade para a construção da  inteligência coletiva, uma grande riqueza na companhia.

 

Outro assunto abordado durante o painel foi a importância de estabelecer o real foco no cliente, não apenas para entregar a melhor experiência possível ao cliente, mas também para alcançar objetivos audaciosos, gerar grandes impactos na companhia e no mercado. Para acelerar esse processo interno de conscientização sobre o foco no consumidor, porém, as organizações devem ter coragem para mudar. Mudar processos, estabelecer um mindset guiado por dados para conhecer o consumidor, acertar desejos e transformar a operação para construir ofertas com velocidade. “Se joga. Pegue um problema end to end, uma dor do cliente de ponta a ponta. Transformação é sobre quebrar silos, entender o que está no âmago da tecnologia", aconselhou Solange Sobral. 

 

Sobre o evento

A segunda edição do CI&T Business Impact Summit aconteceu no dia 10 de outubro, no espaço Cubo Itaú, em São Paulo. O encontro reuniu C-Levels das marcas mais valiosas do mundo para debater o verdadeiro impacto da transformação digital e dos processos mais ágeis nos negócios.

 

Durante o evento, Coca-Cola, Vivo e Itaú apresentaram seus cases de inovação e transformação digital com foco no modelo com ciclos rápidos de entrega e trabalho com equipes multidisciplinares, mudando a cultura das corporações, quebrando silos e envolvendo todas as pessoas no processo de evolução.

 

Veja mais sobre o CI&T Business Impact Summit.